31 de maio de 2011

Amigas de sempre



Nada se compara a companhia de boas amigas. Amigas de doces sorrisos, de paqueras, de altos papos,  de fofocas, de tristezas, de grandes medos... Amigas de todas as horas, aquelas amigas que você sabe que pode contar sempre, aquelas amigas que riem do seu cabelo meio bagunçado junto com você, que estão juntas até na tristeza, que fazem guerra de comida, que exageram nas bobagens. 



Amigas de tudo, amigas de nada, amigas de tudo mesmo, até daquelas sacanagens mais insanas, das palhaçadas mais intolerantes, das ondas mais profundas. Amigas de escola, amigas de ontem, amigas de infância, amigas loucas, amigas de verão, amigas de hoje. Amigas de sempre. Amigas que nem mesmo a palavra "amiga" é suficiente para descrevê-las, mas em primeiro e único caso seria sempre a melhor em todo e exato momento.


Joyce Gabriella Barros

Nenhum comentário:

Postar um comentário