27 de maio de 2011

Sobre mim

Um certo professor de português pediu a um amigo para fazer uma redação sobre alguém que ele considerava interessante, e ele resolveu escrever sobre mim, e é por isso que decidi expor o texto aqui para vocês, pois fala um pouquinho sobre minha vida.




Joyce Gabriella Barros têm 15 anos e é natural de Campina Grande - PB. Filha de Jailton Menezes e Zena Pinheiro separados ainda quando ela era bebê veio morar em Santa Cruz do Capibaribe quando tinha 5 anos de idade, e tem um irmão. Filha de pais separados as vezes se sente um pouco contida para falar de alguns assuntos com seu pai já que é criada longe da sua mãe. Aos 10 anos de idade teve uma doença grave chamada de Púrpura que é uma Equimoses, que deixa manchas roxas junto hemorragias de pele e hematomas roxos. Como toda adolescente Joyce é uma pessoa muito vaidosa gosta de sair, navegar pela internet à procura de novas situações, já que tem a vida pacata e bastante tediosa. E quando questionada sobre que faculdade pretende cursar a resposta é: - Ainda não tenho nada definido, ontem queria algo relacionado à moda, hoje quero ser publicitária, amanhã nem se sabe. Sabe-se que ela gosta de ler e escrever, e entre seus autores prediletos estão Caio Fernando Abreu que segundo ela é sua fonte de inspiração juntamente com Tati Bernardi e Martha Medeiros. Gosta de expressar seus sentimentos postando em seu Blog, e outras redes sociais.Para ela em uma relação seja entre amigos ou namorado é inaceitável infidelidade e falsidade que segundo ela é a chave para o fim do relacionamento. Seu grande sonho é ser independente, fazer tudo o que quer, para se considerar realmente e exclusivamente feliz.
A frase que ela sempre leva junto com ela é "Tu te tornas eternamente responsável por aquilo que cativas. E complementa: "Tenho ela na parede do meu quarto, e sempre que olho pra ela fico pensando na vida, como tomar decisões certas e etc."

Pois bem, eu nunca vou esquecer do carinho enorme por ele.
Obrigado Luck.

Nenhum comentário:

Postar um comentário