7 de julho de 2011

Diz pra mim



Diga pra mim que ainda pensa em mim como sempre pensou. Se é de mim quando a canção que nos marcou toca no rádio. Se é comigo que você sonha todas as noites, querendo que eu esteja do seu lado te protegendo dos seus maiores medos e inseguranças da noite. Diz pra mim que ainda continuo sendo aquela princesa, aquela sua princesa, na qual você costumava pensar com carinho no doce balanço dos cabelos e no seu modo de acariciar minha franja sob os olhos. Que é do meu cheiro que você lembra a cada respirar. Que o meu abraço, ainda que tímido incessantemente será o mais acolhedor. 

Diz pra mim, que você ainda sente a mesma vontade de ouvir a minha voz. Diga pra mim que você ainda ouve a voz do coração, e que ele me chama, todas as noites para estar do seu lado, e que sou eu, que você ama como nunca amou ninguém, e que o seu coração é, e sempre permanecerá sendo unicamente meu. Diz pra mim que nunca esqueceu o meu sorriso, diz pra mim que nunca me esqueceu.

J. Gabriella Barros

Nenhum comentário:

Postar um comentário